Os 4 Erros que você não sabe que comete durante a graduação (o #4 é o mais importante)

os4errosquevocenaosabequecometeduranteagraduacao

Quem começou um curso superior deve ter se deparado com diversos problemas ao longo da sua trajetória acadêmica, porém nem sempre se deu conta de alguns deles. Pensando nisso, neste artigo você verá os 4 Erros que você não sabe que comete durante a graduação, para que possa corrigi-los a tempo e fazer com que sua experiência na faculdade possa ir além da sala de aula. Veja quais são:

#1 Ler livros apenas quando “obrigado”

A leitura é algo fundamental para qualquer pessoa. Para um universitário então, nem se fala! Se você só lê o resumo daquele livro porque o professor vai exigir um trabalho, está no caminho errado. Isso faz de você um mau leitor o que lhe impede de ganhar novos conhecimentos e fazer interpretações a partir do seu vista, afinal, ao ler o resumo nem sempre quem escreveu foi imparcial. Depois não reclame quando um robô roubar seu emprego.

lerlivros

Créditos da imagem: Freepik

#2 Não compreender física e matemática

matematica“Mas eu curso Geografia, para que isso vai me servir?”. Oras, sem conhecimento interdisciplinar em matemática fica difícil entender inflação, juros e crises de mercado… Sem a física como se explica o movimento da Terra que dá origem as estações do ano? Como surgem as ondas do mar? Por que uma bomba nuclear gera danos por mais de décadas? Pense até mesmo para a vida pessoal, por exemplo, o que influencia a frequência das tomadas de outro país no seu smartphone fabricado no Brasil? Sabe, pelo menos, o que é frequência? Qual a diferença entre tensão, corrente e resistência?

Ah, já sei… Você vai passar a bola para o professor de física? Quer mesmo correr o risco de ser taxado de leigo que não busca se informar? Pense bem…

#3 Não compartilhar o conhecimento

Já viu aquele colega que “se acha” porque tira só notão e não ajuda ninguém?

Pois é, ninguém gosta dele. Se você não conhece ninguém assim, cuidado… esse(a) colega pode ser você. Então, se sabe de algo, compartilhe com seu amigo. Ajude-o nos exercícios da graduação, mostre o caminho para novos saberes, indique livros, revistas, artigos, sites e tudo o que mais for lhe agregar informação relevante. Alguém já lhe contou que quando você ensina algo, está aprendendo duas vezes? Pois então, utilize isso para reforçar seus conhecimentos.

compartilharconhecimento

Créditos da imagem: Pressfoto / Freepik

#4 Fazer cursos complementares apenas de uma área

Com isso você restringe muito seu conhecimento o que impede de se tornar interdisciplinar. Assim, você não conhecerá outras áreas e será um profissional com visão restrita do mundo. Como exemplo, tenho amigos jornalistas que só fizeram cursos na área do jornalismo como formação complementar durante a graduação. Quando foram trabalhar, percebi que tinham dificuldades ao escreverem reportagens de tecnologia. Já li até algumas barbaridades como “hackers atacam o site…“, pra começar hacker não é quem ataca, quem faz isso é cracker. Eles saberiam se tivessem feito um curso de programação, redes ou robótica.

estudandoerradoQuando for fazer um curso novo, não pense apenas no seu currículo ou que a empresa “X” vai gostar mais de você porque tem mais certificados. Entenda que durante a graduação você deve absorver o máximo de conhecimento possível e saber aplicá-lo no seu cotidiano. Afinal, nem sempre se resolve um problema utilizando uma única área. Um engenheiro civil, por exemplo, precisa conhecer não somente a ciência por trás da engenharia, mas também as Leis, o Meio Ambiente, os impactos sociais das obras, enfim.

Eu sou Bacharel em Ciência e Tecnologia por formação. Mas isso não quer dizer que só estudei Física, Química, Matemática, Robótica e Computação. Também aprendi Política, Direitos Humanos, Empreendedorismo, Filosofia, Biologia, Gestão, Economia, (pasmem) Geologia, bem como fiz diversos cursos na área de Humanas e Meio Ambiente. Com isso foi possível abrir um leque de possibilidades e hoje sei pelo menos o fundamental de outras áreas para que eu possa ter, no mínimo, uma conversa agradável com profissionais e estudantes de outros ramos. Isso possibilita uma maior formação de networking, mais conhecimentos para solucionar melhor problemas do dia a dia e, claro, uma oportunidade de aprender ainda mais.

Se você está restrito a um único mundo fechado do seu curso superior, corre que ainda dá tempo de expandir sua mente!

Mesmo que você não seja da área de Exatas e Tecnologia, aqui deixo um link caso queira conhecer mais sobre Programação, Eletrônica, Automação e Robótica. Confira também nossos ebooks gratuitos e mergulhe no oceano imenso de possibilidades! 🙂